Conheça as Vantagens da Parceria entre a +ETC e a Pagar.me!

 Conheça as Vantagens da Parceria entre a +ETC e a Pagar.me!

Successful African businessman sitting at a laptop and holding credit card in hand until businessman doing orders through the Internet

A Fintech é cada vez mais utilizada para compras online, principalmente por sites de MarketPlaces. Entenda os motivos.

Para manter um negócio funcionando na internet, é preciso escolher uma Fintech de pagamento confiável, que dê segurança tanto para você, quanto para os seus clientes. 

Mas você sabe o que é uma Fintech de pagamento?

Hoje falaremos da Pagar.me, uma plataforma de pagamento bastante utilizada por pequenos empreendedores. Ela é o que chamamos de Fintech, ou seja, um sistema de pagamento que simplifica compras e vendas de bens e serviços

Foto: Freepik

A plataforma é 100% brasileira. Ela é focada em processos de pagamentos mais simples e funciona como intermediadora tanto para lojistas quanto consumidores. 

O negócio também é considerado um PSP (Payment Service Provider), ou Provedor de Serviços de Pagamento. Trata-se de um serviço que liga vendedores, clientes e bancos interessados. 

Ao contrário de fintechs voltadas ao comércio físico, a plataforma é mais indicada para pagamentos para e-commerces, lojas virtuais e, claro, marketplaces.

Ela surgiu em 2013 justamente para facilitar pagamentos virtuais. Durante o tempo em que ela está no ar, já recebeu prêmios como o Spark Awards, da Microsoft, e o The Innovation Project 2014, em Harvard.

A Pagar.me é segura?

Comprar ou vender na internet ainda gera muitas inseguranças para todo mundo, ainda mais na hora de colocar os dados bancários.

As transações digitais podem trazer um risco de tentativas de fraudes e até chargeback, aquele momento em que o consumidor não reconhece uma compra e pede o cancelamento.

No entanto, a Pagar.me conta com uma tecnologia para garantir a segurança dos dados dos clientes e a estabilidade da sua operação.

Além do mais, a empresa possui a certificação  Payment Card Industry Data Security Standard (PCI-DSS), um documento que estabelece uma regulamentação rídida para o manuseio de informações sensíveis, como cartão de crédito.

Quais são as vantagens para quem vende?

O sistema da plataforma possibilita várias formas de pagamento, como boletos bancários, cartões de crédito nas bandeiras mais conhecidas e cartões internacionais emitidos no Brasil.

Além disso, a Pagar.me é uma plataforma completa de serviços financeiros, veja mais sobre seus benefícios: 

1. Alta estabilidade

O aumento do volume de transações durante a Black Friday representa um grande desafio para as tecnologias de pagamento. A alta na quantidade de compras pode sobrecarregar os sistemas, causando instabilidades e fazendo lojas perderem vendas.

Para evitar essa situação, a Pagar.me realiza monitoramentos automáticos e testes de performance em preparação para os eventos mais importantes do varejo.

2. Pix

Segundo a Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, 36% dos clientes já costumam utilizar o Pix para compras online, mostrando a consolidação dessa modalidade de pagamento instantâneo no e-commerce.

3. Retentativa de pagamento

Já imaginou perder vendas na Black Friday por conta de um erro na transação? A retentativa de pagamento é uma funcionalidade da Pagar.me que pode resolver esse problema!

4. Antifraude integrado

Para proteger sua Loja de fraudes e golpes tão comuns no ambiente online, o Pagar.me conta com um antifraude integrado, que faz análises automáticas das compras realizadas no seu site.

O sistema utiliza mecanismos de inteligência artificial para cruzar dados referentes ao comportamento de cada transação, como informações cadastrais, geolocalização e histórico de compras.

5. PCI Compliance

A Pagar.me é certificado com o PCI Compliance, também conhecido como PCI DSS (Payment Card Industry Data Security Standard), que é o padrão internacional de segurança da informação mais reconhecido no mercado de pagamentos.

Foto: Freepik

Taxas na +ETC

É importante ressaltar que o Pagar.me traz diferentes taxas que são cobradas de cada cliente, que pode variar do produto oferecido, do modelo de negócio, e até o faturamento da empresa.

O lado positivo na +ETC é que todas as taxas de pagamentos à vista já estão inclusas na taxa única do marketplace, assim você já sabe quanto vai custar uma venda realizada em nossa plataforma e não terá surpresas no final do mês.

Para os pagamentos parcelados, há uma taxa adicional de juros, que fica a critério do próprio lojista em repassar o valor para quem compra ou absorvê-la.

Embora transferir a taxa para o comprador pareça mais rentável, as coisas não são bem assim. Como no caso do frete, quando colocamos um valor a mais para concluir a compra, boa parte dos clientes acabam desistindo.

Melhor receber menos do que não receber nada, não é mesmo?

Recebendo suas vendas na +ETC

No momento da abertura de sua loja virtual na plataforma da +ETC, você somente irá precisar de um CNPJ válido, capaz de emitir notas fiscais, e uma conta bancária de mesma titularidade.

No caso dos microempreendedores individuais (MEIs), a plataforma ainda tem a possibilidade para escolher trabalhar com uma conta jurídica ou física. 

Já no painel de sua loja, na plataforma da +ETC, você encontrará um local dedicado para acompanhar suas vendas e valores disponíveis para resgate, todos os valores ficam disponíveis para resgate a partir do 15º dia após a confirmação do recebimento do produto.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Conteúdo relacionado