Como ter Lucro em Marketplace: Principais Dicas

 Como ter Lucro em Marketplace: Principais Dicas

A venda online é cada vez mais comum. Existem empresas que vendem apenas pela internet e todas as outras que são físicas estão ampliando os seus canais de venda.

Por conta de ser um mercado amplo, existem diferentes formas de realizar o comércio virtual. Uma das formas mais promissoras é o marketplace.

O marketplace é um espaço virtual disponibilizado por alguma empresa com boa visibilidade.

Ou seja, qualquer companhia, seja de pequeno ou grande porte, pode anunciar os seus produtos dentro de uma loja virtual já conhecida e relevante.

Por se tratar de um mercado relativamente novo, os comerciantes ainda possuem muitas dúvidas.

Neste artigo, vamos explicar como ter lucro em marketplace. Acompanhe a leitura!

Qual a margem de lucro Marketplace?

Empacotando embalagem para enviar ao marketplace. Sobre a mesa calculadora, planilha para cálculo0 da margem do lucro e computador

A margem de lucro do Marketplace é o cálculo que revela qual foi a porcentagem de lucro de algum produto ou período de vendas.

Por exemplo, caso você queira saber quanto de lucro foi obtido em um mês, basta realizar um cálculo que logo vamos ensinar.

Vale ressaltar que é necessário precificar de maneira correta para que a margem de lucro seja a esperada.

Se você precifica sem analisar os custos daquele produto, é bem provável que vai atingir um lucro baixo.

Agora, vamos aprender como calcular a margem de lucro do seu marketplace. Primeiramente, é necessário separar o seu faturamento e os seus custos.

Vamos imaginar que vamos descobrir a margem de lucro de um determinado produto.

Você vendeu ele por R$ 500, ou seja, esta é a sua receita total.

Por outro lado, os custos para adquirir esse produto foram de R$ 100. No entanto, deve lembrar que os marketplaces trabalham com uma taxa de comissão.

Vamos supor que o seu marketplace cobra 15% de comissão por cada produto vendido.

Logo, vamos adicionar o custo de R$ 75.

Desse modo:

  • Faturamento: R$ 500;
  • Custos: R$ 175.

A fórmula para calcular é bastante simples: basta calcular o faturamento e subtrair pelos custos. Você terá o valor do lucro. Depois é só dividir lucro por faturamento e multiplicar por 100.

Assim: R$ 500 – R$ 175 = R$ 325

R$ 325/R$ 500 = 0,65 x 100 = 65%

Dessa forma, a margem de lucro bruto deste produto foi de 65%.

A Mais ETC é uma plataforma de marketplace bastante completa, que cobra uma taxa de comissionamento fixa de 14,50%.

Essa taxa que se mantém fixa facilita a contabilização de seu lucro e te permite elaborar as melhores estratégias para aumentar os seus ganhos. Melhore seus ganhos com a Mais ETC!

Como precificar no Marketplace?

Para precificar marketplace é necessário, primeiro de tudo, se atentar aos custos do marketplace em que a sua empresa atua.

Precificar certo é fugir do prejuízo e melhorar os seus índices de lucro.

Vamos te ensinar agora como precificar a partir de um lucro objetivo. Primeiramente, analise os custos de uma venda específica.

Some impostos, taxa de comissionamento do seu marketplace, frete, embalagens e todos os outros investimentos.

Confira um exemplo fictício:

  • Custos: R$ 100;
  • Impostos: 5%;
  • Comissão do marketplace: 15%.

Então, escolha um lucro objetivo em porcentagem. Supõe-se que você deseja atingir 30% de lucro.

A fórmula é:

Preço = Custos/1 – Impostos – Comissão do marketplace – lucro objetivo.

Aplicando os números do exemplo, temos a seguinte conta:

Preço = R$ 100/1-0.05 – 0.15 – 0.30

Preço = R$ 100/0.5

Preço = R$ 200

Isso significa que, ao precificar o seu produto em R$ 200, você conseguirá 30% de lucro na sua venda.

Como definir lucro?

Não existe uma regra para definir o lucro. Você pode realizar isso de acordo com a necessidade de sua empresa.

De qualquer forma, para tornar o lucro que você almeja mais assertivo, é necessário precificar corretamente, como ensinamos acima.

Além disso, você deve planejar os custos e despesas, pois quando esses valores variam, a sua precificação e margem de lucro precisam ser revisadas.

Existe uma tabela que mostra a média da margem de lucro para cada setor. Confira:

  • Indústria: de 6% a 8%;
  • Comércio: de 10% a 15%;
  • Serviço: 20%.

Caso o seu negócio esteja muito abaixo dessas métricas, é hora de pensar em ações para que o seu lucro melhore.

Como calcular preço de venda b2w?

A B2W é a plataforma de marketplace criada e administrada pela Americanas.com, Shoptime e Submarino.

Como já dito anteriormente, cada marketplace possui as suas taxas, que dependem das suas políticas internas.

Por sua vez, a B2W possui cobranças próprias e, por isso, é necessário saber como calcular preço de venda B2W.

Para realizar a precificação vendendo pela B2W, é necessário incluir os custos com as taxas cobradas (comissionamento e frete).

A B2W cobra uma taxa de comissão que varia de acordo com cada departamento. Em resumo, o comissionamento varia entre 12% e 19%.

Por fim, existe a possibilidade de pagamento de frete, que, em alguns casos, é subsidiado totalmente ou parcialmente pela B2W.

É importante estar por dentro das políticas de frete para entender o valor que será cobrado para o envio do seu produto.

Depois de coletar e contabilizar todos esses custos, é possível realizar o cálculo de precificação de acordo com o lucro almejado.

Quais são os custos de um marketplace?

Pessoa fazendo cálculo na calculadora com planilha de custos do marketplace aberta

Um marketplace possui alguns custos em comum, mas claro que eles variam de acordo com a empresa responsável.

Existem marketplaces que cobram apenas a taxa de comissionamento e deixam que o lojista realize a entrega.

Por outro lado, também existem marketplaces que realizam a entrega do seu produto, mas cobram um valor por isso, adicionando assim à comissão.

Em geral, os custos de um marketplace são:

  • Taxa de comissionamento;
  • Frete.

É certo que ter um espaço virtual para vender o seu produto dispensa bastante gastos, como a criação de um site próprio e ações de marketing.

No entanto, é imprescindível considerar outros gastos, como os de logística, quando é você que realiza a gestão de estoque e envio das mercadorias.

Por que colocar seu negócio em um marketplace?

Colocar o seu negócio em um marketplace é bastante vantajoso por diversos motivos.

O primeiro deles é a visibilidade. Geralmente, as empresas responsáveis são aquelas que já possuem um bom acesso de pessoas em seus sites.

Ter o seu produto em um espaço popular, faz com que o seu produto seja mais encontrado.

Além disso, o marketplace possui a vantagem de ter sua própria equipe de Tecnologia da Informação e Marketing.

Ou seja, você não precisa se preocupar com manutenções de site e nem em grandes campanhas de marketing.

No final das contas, o seu maior custo deve ser com a taxa de comissão, que pode ser acessível a depender do marketplace.

Qual Marketplace escolher?

O melhor marketplace vai ser aquele que contempla todas as ferramentas que o seu negócio precisa.

Sobretudo, é preciso selecionar o melhor custo-benefício. Isto é, o marketplace que oferece os melhores serviços cobrando taxas justas.

A Mais ETC é uma empresa que oferece o marketplace mais completo do mercado e o melhor, por uma taxa de comissionamento fixa  de 14,50%.

Confira como se estabelecer no melhor marketplace!

Conclusão

Este artigo teve como objetivo ajudar o seu negócio a se organizar financeiramente, de modo a reforçar a estabilidade do seu caixa. Leia sobre modelo de fluxo de caixa e ferramentas de gestão financeira.

Muitos comerciantes buscam como ter lucro em marketplace e aqui encontrou as práticas mais adequadas para bons ganhos.

Gostou do blog? Nós também recomendamos a leitura: “Pequenos negócios: como montar e obter sucesso?”.

Compartilhe esse conteúdo

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Conteúdo relacionado